PLAYLIST

domingo, 20 de novembro de 2011

A procura da Felicidade ou The Pursuit of Happyness

Odete Soares Rangel

Assisti ao filme  "A procura da felicidade", título original  The Pursuit of Happyness  (2006)  e fiquei bastante impressionada com a "garra"  de Chris Gardner (Will Smith) que mostra uma incrível história de superação. De homem que encontrava-se no fundo do poço, transformou-se num bem-sucedido corretor da Bolsa de valores, tornando-se uma lenda em Wall Street. 

O filme dirigido por Gabriela Muccino foi inspirado na vida de Chris Gardner, um vendedor de São Francisco que vivia no limite da pobreza.

Abandonado pela mulher que se mudou para Nova Iorque, sem carro e sem casa, e com a responsabilidade de criar o filho Christopher (Jaden Christopher Syre Smith) de cinco anos, Chris foi a luta, mas passou por diversas frustrações como vendedor, sendo, inclusive, roubado quando pediu ajuda a estranhos.

Então, certo dia, ele viu um engravatado estacionando uma Ferrari, se encantou com o visível  sucesso do sujeito, aproximou-se do executivo e descobriu que trabalhar na bolsa de valores dava dinheiro. Então, decidiu investir na carreira. 

Ele acabou conseguindo uma vaga de estágio em um programa de analista financeiro, sem remuneração, usou todo seu tempo livre para estudar, mas o tempo de seis meses de curso pareciam uma eternidade. Sem condições de pagar aluguel, ele e seu filho passaram a viver na rua. Dormiam um dia no metrô, outro em abrigos para sem-teto, mas em todos os momentos ele se mostrou otimista para o filho, criava histórias, era alegre e bem-humorado, apesar de sofrer duramente, ele mantinha uma relação saudável com o filho. 

Foi graças a sua inteligência, ao seu bom humor e a sua capacidade de lidar com as pessoas que ele sobreviveu. Acho que está implícito no filme que vale tudo em nome do "sonho americano", mostrando que qualquer um consegue enriquecer na "Terra da Liberdade", embora a realidade não seja bem essa. 

Mas, finalmente, Chris se destacou no estágio e conseguiu licença para operar oficialmente na Bolsa. Ele tornou-se uma lenda em Wall Street e nos deixou uma incrível lição de força de vontade, crença, motivação e perseverança, forças que nos impulsionam para conseguirmos superar obstáculos e sermos vencedores.  É emoção o tempo todo do filme, prepare-se!

2 comentários:

Arione Torres disse...

Oi querida Odete! Realmente, esse filme é muito lindo! Me emocionei assistindo ele!
Tenha um ótimo final de semana, bjus e fica com Deus...

Odete Soares Rangel disse...

Querida Arione,

Fantástica a postura dele diante das dificuldades e do filho, uma superação e tanto. Deixa-nos uma bela lição comportamental e de crença na vida, em si mesmo.
Gr bjo e ótima semana